CORONAVÍRUS: SAIBA COMO SE PROTEGER DO COVID-19

Raio - X

c292f0f5574e6f78ea4b63beb2f17a4115573431

Raio - X

A radiografia serve para diagnosticar fraturas, cáries nos dentes, bloqueio de vasos sanguíneos, pneumonia (infecção nos pulmões), tumores e outros males. Por ser um exame barato, simples, rápido, não invasivo e indolor, o raio X faz parte da rotina em qualquer unidade de saúde.

Radiografia é uma técnica de exame de imagem que utiliza raios X para ver um material cuja composição não é uniforme como o corpo humano. Um feixe heterogêneo de raios X é produzido por um gerador e projetado sobre um objeto. ... Nos ossos, a radiografia acusa fraturas, tumores, distúrbios de crescimento e postura.

Os raios X são muito usados para identificar fraturas nos ossos e para diagnosticar doenças em tecidos moles, como no aparelho gastroesofágico (um exemplo é o refluxo gastroesofágico) e nos pulmões. O pulmão de pessoas que têm pneumonia ou derrame pleural, por exemplo, aparecem com manchas esbranquiçadas. Dessa forma, radiologistas treinados conseguem analisar as características da imagem e fazer diagnósticos e solicitar exames complementares para prosseguir em uma investigação clínica.

O raio X também é útil para investigar suspeitas de câncer. A mamografia, inclusive, não deixa de ser uma radiografia, pois também usa os raios X de forma específica para diagnosticar distúrbios da mama, principalmente o câncer de mama.

O exame de raios X não é feito de rotina. Ele é solicitado pelo médico (ou dentista, no caso de radiografia odontológica) conforme a necessidade do paciente. É frequentemente requisitado em casos de quedas, para mostrar se houve alguma fratura, ou para investigar doenças diversas, principalmente gástricas e pulmonares.

Assim como a tomografia, a radiografia também utiliza radiação ionizante. Logo, o exame é contraindicado para gestantes. Informe ao médico se houver suspeita de gravidez.